BASE DE CONHECIMENTO
Pesquisa personalizada

FISÁLIA

O fruto da Fisália, chamado saco-de-bode, cereja-de-judeo, alquequenge, ou tomate-capucho, envolvido por um balão folhoso, contém antioxidante, flavonoides, vitaminas A e C, cálcio e outros minerais. São-lha apontadas propriedades terapêuticas diversificadas, designadamente, para manifestações da menopausa, antidiabético, regulador do colesterol, cicatrizante, antialérgico, anti-inflamatório e antirreumático, anti-helmíntico, tonifica o nervo ótico e evita cataratas, combate a amebíase, ajuda a dissipar o cansaço, o stress e a depressão e é benéfico para o fígado e rins e imunoestimulante Pode ser consumido ao natural, em sumos e compotas. O seu travo agridoce liga bem com bolos e chocolate.


balões  fisália  → http://artodyssey1.blogspot.pt


Fisália
Fisália
fisália  → http://enquadaarte.blogspot.pt


Fisália
 Fisália
fisália  → http://www.ruralidades.pt


Physalis: bela, saborosa e medicinal - Jardim de Flores
→ https://www.google.pt


Aguaymanto fruta medicinal

fisália 


Mis Physalis Peruviana (Golden Berry)

fisália 


Chinese Lanterns (Physalis Alkekengi)

fisália  lanternas 


Physalis é tema de estudo da Universidade Federal de Lavras

fisália 


Plantação de Pérolas Gastronômicas; vc conhece o Physalis?

fisália 


Ver também:

Caravela Portuguesa
Caravela Portuguesa (Physalia physalis)
Afregado de organismos que produzem um saco de ar (origem do nomea) que funciona como vela.

Antidepressivos

Plantas Medicinais
A variedade e diversidade de campos de aplicação das plantas medicinais são inúmeras e atualmente em crescente exploração. Provavelmente, toda e qualquer planta é detentora de qualidades específicas, em grande parte, largamente desconhecidas e por explorar. Também é importante estar alerta para o facto de que, usadas incorretamente, as plantas medicinais podem ter efeitos colaterais indesejáveis e potencialmente graves. É fundamental ter em conta o efeito cumulativo de diferentes plantas e as possíveis interações com terapêuticas paralelas.

Anti-helmínticos
Substâncias que combatem os parasitas intestinais. Os Anti-helmínticos dividem-se em vermífugos e vermicidas, em princípio o grau de toxicidade dos vermicidas é mais elevado para o hospedeiro.

Bagas
Os ácidos Cítrico, Málico e Tartárico são abundantes nos frutos e bagas, embora sua concentração diminua à medida que amadurecem.

in:www.cantoverde.org

Depressão
Transtorno Depressivo clinicamente identificado é um prolongado e desagradável estado de incapacidade

in:gballone.sites.uol.com.br

Diuréticos
Produtos que estimulam o funcionamento dos rins e contribuem para desintoxicar o organismo. Adequados em caso de infeções das vias urinárias, hipertensão, ureia no sangue e gota e caso haja retenção de líquidos. Para que possam produzir o devido efeito devem ser acompanhados da correspondente ingestão de água. O uso indiscriminado de diuréticos dá lugar a uma eliminação excessiva de sais minerais, incluindo cálcio, magnésio e potássio, podendo levar a desiquilíbios perigosos para a saúde.

Imunoestimulantes
reforça o sistema imunológico

Cicatrizantes

Desintoxicação do Fígado
O fígado é um órgão vital para o bom funcionamento de todo o organismo, nomeadamente, ao assegurar a remoção de resíduos metabólicos, alcool e muitas outras e toxinas que circulam no sangue, no entanto, de tanto limpar, ele próprio acaba por ficar debilitado e a precisar de uma dieta de revitalização.

Dicas para problemas de rins

Frutos Exóticos
Physalis peruviana
Proveniente da América do Sul, principalmente colômbia e Perú.

Nervos Oculares

Amebíase
existe em duas formas, um cisto e um trofozoíto móvel ... cistos ingeridos desintegram-se na luz do intestino delgado e liberam os trofozoítos

in:www.todabiologia.com

Cataratas (doença)
opacidade do cristalino

in:www.vivendosaudavel.com

Solanáceas
A maioria das espécies de Solanum são venenosas, mas o grupo inclui vegetais comuns na alimentação humana como a batata, o tomate, a beringela e o pepino.

Flavonoides
O nome flavonoide advém da sua cor amarelo alaranjada que conferem cor às flores e outras partes aérea de diversas plantas. Subdividem-se em flavanas, flavanonas, flavonóis, flavonas, isoflavonas e antocianinas.

Tomate
Tomate capucho



SUGESTÕES




a informação disponível é meramente indicativa e deve ser confirmada nas respetivas fontes

Política de Privacidade|TecNet